23.4.09

O futuro do aluno de Letras

Para os estudantes de Letras ou mesmo para os artistas que não se encontrarem na carreira, fica a nossa sugestão, aqui.

Ela faz bolos que são obras de arte. Patrícia Goedert cursava Letras na UFSC e já era casada, mãe de duas meninas, quando começou a participar de concursos de receitas e fazer tortas pra vender. Agora, dez anos depois, ela comanda uma equipe de 40 pessoas e uma empresa familiar de sucesso onde trabalham também seu marido, Hélio Goldert, ex-fazendeiro de soja, as filhas do casal, Bruna, 22, e Natália, 19, além de dois cunhados e uma cunhada.

fonte: Donna DC, Juliana Wosgraus

2 comentários:

Júlia Eleguida disse...

me foge a atenção, o que a mim, até então era uma profissão deconhecida, fazendeiro de soja.
quanta especificidade. e repare ele é um ex-fazendeiro de soja. uma externalidade que já não o pertence. a união perfeita. ex-letrada e ex-fazendeiro de soja casaram e viveram doces para o sempre.

Anônimo disse...

quem disse que fazer arte não dá dinheiro?