30.11.09

Com todas as letras

Gente, o que foi o Prates dizendo agora no JA que a Novembrada foi um movimento de fracassados e Figueiredo foi um herói que morreu na miséria? Que tem saudades da ditadura militar porque podia andar pelas ruas de Porto Alegre de madrugada com liberdade e segurança, mesmo sendo jornalista; que a ditatura foi boa porque Universidades e estradas se multiplicaram no país; que podia entrar em qualquer livraria e comprar o livro que quisesse? Que espécie de livros o Prates lia afinal? Posso compreender o fato de que milhares de pessoas defendam estas coisas de modo velado, mas defender com todas as letras causa choque. Acabei de escutar tudo isso enquanto almoçava e estou espantado. Além de tudo Prates está mentindo. E mentindo sobre coisa séria. Só não se sabe se por cegueira - difícil acreditar que alguém possa ser tão cego assim, ainda - ou apenas má fé.

Atualização: para quem não viu, aqui

15 comentários:

betto disse...

Eu tb não acreditei quando ouvi o comentário do ignóbil do prates, cara isso é um atentado contra os movimentos de defesa da liberdade de expressão, pelo jeito ele é a favor da sensurra, da ignorância e da violência e opressão dos mais fracos, sinceramente eu não acredito no que eu ouvi.

Lucian disse...

Desse boçal uma coisas dessas é até de se esperar.

O que me deixa irritado é o programa de maior audiência local dar espaço para coisas assim (e se o Prates é a caricatura mais tosca possível da direita, o Cacau é a da esquerda).

Mas há algo ainda pior: não ter qualquer manifestação da classe intelectual ou política quando alguém vomita um absurdo desses. É a total indiferença, a pior coisa que pode acontecer.

Victor da Rosa disse...

o que mais me preocupa não é um sujeito como o prates pensar estas coisas - pois todos sabemos que pensa - mas justamente ter condições de possibilidade para dizê-las.

uma instituição de comunicação como a RBS - que não é necessariamente fascista, acho, mas apenas liberal, progressista ou falsa democrática - dar autoridade (contexto) para algo assim, afinal, não deixa de ser um sintoma de que algo estranho está acontecendo.

Júlia Eleguida disse...

sinto nojo a ouví-lo. sinto nojo ao saber que veiculam em um programa que passa em todo o estado. sinto nojo por ser tão cretino. sinto ultraje e asco. e fico refletindo se ao ter voz, outros repetem o que diz. se é um ventríloco quais são os papagaios? quem está a referendar o seu discurso. quem paga por tudo isso? ainda restarão aplausos?

Anônimo disse...

O sujeito pode dizer o que quiser. Qual é o problema? vocês, turminha do all star, ficam achando que são os defensores da verdade e de um mundo digno e justo. e não fazem nada, absolutamente nada de prático. Ou melhor, " ops!" se reúnem nos bares para encher a cara, se drogarem e ficar jogando conversa fora. A maioria de vocês não trabalha e vive às custas da família, não tem dinheiro, se quer, para pegar o latão ou pagar a própria cerveja. está na hora de acordar filhinhos de papai. Cada um pensa o que quer e fala o que quer. Inclusive o proprietário desse blog.

Victor da Rosa disse...

há algo no jornalismo que deveria se chamar compromisso ético com a história. fora qualquer compromisso com a moralidade, prates está mentindo. depois, acho preocupante dizer que tirar a vida das pessoas é justo.

Anônimo disse...

Ele não mentiu. Apenas defendeu algo que ele acredita, por mais espantoso que seja. Talvez, para ele, caro blogueiro, saber que tu defendes um regime de esquerda, e pensa diferente dele, também seja assustador. Quanto ao compromisso ético no jornalismo ou outra área qualquer, tu deveria fincar, um pouco mais, o pé na realidade, mais nada.

Victor da Rosa disse...

quando ele diz que encontra qualquer livro na livraria, ele está mentindo. quando diz que o brasil nunca cresceu tanto sob a ditadura, sob qualquer ponto de vista, também está mentindo. quando diz que cada um podia escolher onde trabalhar, que todos tinham o direito de ir e vir, também está mentindo - ou então não existiriam exílios, pra ficar no mínimo. universidades só não foram multiplicadas como foram empurradas para o canto, vide fundão. dizer que ele tinha liberdade não significa que havia liberdade para todos ou muito pelo contrário; etc etc

inclusive é tão contraditório afirmar que cada um pode dizer o que quer e ao mesmo tempo fazer eco a um discurso contra a democracia.

Anônimo disse...

nossa, o primeiro anônimo foi incorporado pelo prates!

gylbbertto disse...

O cara do comentario anonimo é mais um dos amiguinhos ignorante sdo prates, sim o brasil cresceu asustadoramente na ditadura e faliu o pais tb vide divida externa da ditadura e do FHC, então crescimento e responsabilidade com o que se faz não tem paralelo, e quanto a poder ir e vir sem se preocupar, é claro com a policia na rua prendendo todo mundo por nada quem vai ter coragem de enfrentar, já que o prates concorda com a ditadura que ocorreu no pais fico preocupado, pois ela foi nazi-facista, então isso me leva a ter outras duvidas quanto ao carater dele de critico não sei do que, pois ela não fala nada com nada...

cesar daemon disse...

os subversivo tem mais é que levar porrada. graças a ditadura saimos da grande fazenda que era o brasil, rumo ao progresso e tinhamos ordem tambem. mas o que os militares fizeram impedindo o jango de assumir e acabar ainda mais com nosso país, não conseguimos fazer agora, elegendo lula e toda sua corja e essa farsa que é o PT. saudade dos velhos tempos em que os dizeres da bandeira eram cumpridos e a vadiagem de hoje em dia era punida.

betto disse...

Cesar para vc falar a respeito de politica partidaria (PT) no caso ou vc é cientista politico ou economista, caso não seja nem darei ouvidos para um comentario tão idiota e sem significancia como o teu, que ordem havia na ditadura a da "mordaça", e que crescimento havia, aquele que o FMI emprestava dinheiro para nós nos atolarmos em divida com ele que pagam,os até hj, ou eu to enganado ou não sei mas foi nestes 2 ultimos governos federais que praticamente acabamos com a nossa divida externa, alias Cesar se vc é economista como eu deve saber que nossas reservas são maiores hj de nossa divida externa e se não me engana acho que tudo isso não foi com a ajuda da tua DITADURA.

Marcelo Andreguetti disse...

qualquer um que quiser pode falar maravilhas do nazi-fascismo do hitler e do mussolini partindo dos argumentos de "crescimento econômico" e "ordem". da mesma forma, muitos o fazem pra corroborar um tempo em que estavam felizes, cada um em seu galho, com suas vidas medíocres de classe média, naquela que aos poucos passava de república das bananas para república DOS bananas. A macacada começava finalmente a ver concreto, que, convenhamos, simboliza o tal "desenvolvimento" de forma tão convincente quanto um castelo de ouro.
o "crescimento", o "desenvolvimento", só pode ser visto a base de muita, mas MUITA dívida externa. Ou será que todos esqueceram a herança maldita da ditadura e a inflação de 100% a hora e os mil planos monetários falidos?
A "ordem", a ordem é pra quem? Com milicos na rua que atiram antes de perguntar seu nome a "ordem" é muito fácil. O Prates e toda essa galera direitista é a mesma que defende meter o exército nos morros do Rio de Janeiro e transformar a guerra do tráfico numa guerra civil oficializada. "ordem" política e corrupção? o motta e o prates pegaram o gancho dos escandalos politicos, mas é graças a democracia que a imprensa pode veicular esses escandalos e medidas comecem a ser tomadas. Do contrário, como era na ditadura, nada era do conhecimento de ninguem, e a corrupção era uma atividade consentida e "institucionalizada" em Brasília. Rios de dinheiro foram desviados nas obras faraônicas do império militar, e ninguém ficava sabendo na época pq tinha um milico ao lado que ia enfiar uma bala na cabeça de quem abrisse a boca.
Cara, mil coisas podem ser ditas sobre esse crápula. Mas defender regime ditatorial é algo que eu vejo na minha propria familia, na boca de tios, pais, avôs. Já dizia Tim Maia, o Brasil é o único país onde traficante é viciado, puta goza e pobre é de direita.

Anônimo disse...

Sou morador de Desterro (fpolis) e lamento pelo comentário idiota de prates, que fixou residência aqui, apenas pelas belezas naturais... A revoluação farroupilha (em caixa baixa) é que foi uma bobagem e burrice de gaúchos prepotentes. Vá pra casa prates babacão!

Anônimo disse...

Quanto mais rezamos mais babacas com pensamentos fascistas aparecem. o livro que mais se comprava naquela época era " como ter um cérebro em 3 lições rápidas" - o problema é que o livro é muito denso. hoje os idiotas que clamam pela ditadura elegeram esse livro como o livro de cabeceira dos que acreditam nessa causa.