8.7.10

Existe alguma coisa que eu possa fazer por você?

Faz alguns dias, quase uma semana, estou recebendo - por algum engano, suponho - mensagens frequentes de um celular com número que desconheço. A última foi uma pergunta: Existe alguma coisa que eu possa fazer por você? A quantidade de não-ditos que pressupõe uma pergunta assim me faz acreditar, naturalmente, que eu não seja o interlocutor. E a anterior: Galo cantou às 4 da manhã, céu azulou na linha do mar. Esta - que foi enviada, aliás, às 4h11m, provavelmente por alguém bêbado (ou talvez insone) - não pressupõe um interlocutor tão específico, é verdade, mas mesmo assim não consigo me reconhecer como destinatário. No conjunto, parece que são textos femininos, mas talvez também se trate de um homem sensível. Chama a atenção, dentre outras coisas, o português correto. Por outro lado, o eco entre cantou e azulou acusa alguma pobreza na construção. Primeiro pensei em respondê-las de modo dissimulado - algo assim, dramático: você ainda quer fazer alguma coisa por mim? depois de tudo!? - mas logo imaginei que isso não seria correto. Então pensei em responder algo para indicar o engano - chego a ter alguma culpa ao imaginar que eu esteja atrapalhando, por exemplo, uma história de amor (ou mesmo estimulando um mal-entendido entre duas pessoas legais) - mas depois pensei melhor e cheguei à conclusão de que estas mensagens, seja de quem for, me divertem.

5 comentários:

MCris disse...

'na linha do mar' é um samba do paulinho da viola que a clara nunes gravou em 1979 . só quem tem a minha idade se lembraria de brincar com esses versos . mas você não me passou o seu número

Anônimo disse...

o senhor, ao certo, não sabe nem receber uma msn de amor. minhas, não recebe mais. é um insensível com a sinceridade dos bêbados...

Anônimo disse...

hahaha...uma vez me ligaram, e uma brasileira falando em inglês queria saber se o Josh havia partido. Respondi "yes, he´ll call you when he get´s back". me senti mal, mas depois cheguei a uma conclusão "o Josh que mantenha seus contatos"

Victor da Rosa disse...

um paulinho da viola raro? ponto pra admiradora secreta!

http://www.youtube.com/watch?v=0T34xq2BmAI

Carolina Brum disse...

não seja cruel como uma amelie poulain