9.3.11

A banana do King Kong

Não poderia haver fantasia mais propícia para a Valesca Popozuda [sic] do que a banana do King Kong. Devo ter lido umas dez matérias sobre esta moça, todas dizem que ela saiu "nua, fantasiada de banana e com o corpo pintado", mas ninguém diz que a coxa desta mulher é bizarra. Sério, nudez e corpo pintado não deveriam ser manchete no Carnaval; o que dá uma matéria boa, de jornalismo investigativo, é a coxa desta mulher. Trocando em miúdos, o King Kong ao lado da Valesca Popozuda é um macaquinho de pelúcia adorável. Dizem até que o King Kong não quis entrar na Sapucaí quando viu a banana que esperava por ele; mentiram para o bichinho dizendo que a banana seria a Sandy. Daí o atraso da Salgueiro. O macacão teria exigido: quero voltar pra Hollywood agora!, e empacou na curva. Enquanto isso, o repórter da Rede Globo entrevistava exatamente o joelho da Valesca, que depois subiu nas mãos do King Kong, após a birra, auxiliada por um guindaste. Um guindaste!

3 comentários:

Kamilla Nunes disse...

Hahahahhahaha, também achei bizarro!

Anônimo disse...

Eu realmente me pergunto: será que os homens acham isso bonito????? É bizarro demais, mesmo!

megalömano disse...

trangênicos.